INÍCIO INSTITUCIONAL ROSSYR BERNY DÚVIDAS FREQUENTES CONTATO
   início
 
 
WhatsApp: 51-985.353.970 - Oi
51-985.370.000 - Oi
51-998.237.038 - Tim
51-996.690.908 - Vivo
51-991.033.566 - Claro
 
 
 
 
Autores
A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z
Larissa Graff
Nasceu em São Leopoldo em 1989, formou-se no Magistério no Instituto Estadual de Educação Pedro Scheneider em 2008 na cidade natal. Em 2015 formou-se Pedagoga na Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS. E atualmente cursa especialização em Educação do Campo na Faculdade São Braz.
Larri Feula
O advogado Larri Feula nasceu em Porto Alegre e formou-se pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA). Especializou-se a partir de 2004 na revisão de contratos bancários, tornando o seu escritório o maior do Brasil neste segmento. Atua em todas as cidades do Rio Grande do Sul, sendo um especialista de elevado destaque nacional. Autor desde 2010 de livros de autoajuda para profissionais liberais, funcionários, empresários e consu-midores. A razão de seu reconhe-cimento é a transparência e a honestidade perante os parceiros, colaboradores e clientes, bem como tratar o cliente como amigo e jamais como uma fonte de renda. Para enfrentar as adversidades, realiza planejamento de estratégias de marketing e atendimento, adaptando-se às necessidades do mercado, passando seu conhecimento para os livros lançados e outros a serem publicados.
Lauro Fröhlich
O tempo está ao seu lado. E o tempo é generoso com quem não o desperdiça. Aos treze anos, o menino Lauro começa a escrever a história dos 57 anos da Fröhlich junto com seu pai. Experimenta, inova, constrói. Ajuda a colocar a cidade de Ivoti em contato com o futuro com muita determinação, competência e energia. Está sempre pronto a alçar voos e a vencer os desafios que surgem no caminho com fé e perseverança. Uma vida dedicada a empre-ender em nome de tudo aquilo em que acredita. E essa retidão de valores envolve todos que o cercam em uma corrente positiva na qual a família e os colaboradores se motivam, a cada dia, a dar o melhor de si. Hoje, estamos imensamente felizes em fazermos parte desta história e em compartilharmos mais um sonho realizado: vermos essa história transformada em livro. Que essa realização seja um marco na vida da Fröhlich, uma justa homenagem pelas conquistas alcançadas nesses 57 anos e um exemplo de todas as conquistas que ainda virão. Equipe de colaboradores Fröhlich S/A.
Leonardo Holderbaum
Leonardo Holderbaum nasceu em 21 de maio de 1989, na cidade de Porto Alegre/RS, onde reside até hoje. Estudou no Colégio Estadual Júlio de Castilhos (Julinho) em seu ensino médio. Atualmente, acadêmico do curso de Multimídia Digital, na Facul-dade Unisul. A Cidade dos Cata–ventos é sua primeira obra publicada, sendo uma seleção de alguns poemas escritos entre os anos de 2004 e 2009. Um desenhista, um poeta, sou um sonho parte do todo... Que todos temem, e como eu sou um deles, devo temer. Primavera Amor que bate à porta, acalma o coração. Com frio na espinha, escrevo versos ao meu amor. Mas aqueles que não têm a quem dedicar seu coração saibam que tem muitas flores, ainda a brotar nesse jardim, basta enxergar que irão ver, rosas perfumadas e carentes de paixão É um apaixonado pelas belezas de sua cidade, seus monumentos, seus parques e sua história. Assim como pelo seu Estado, o Rio Grande do Sul.
Lilian Zieger
Lilian Zieger é Pedagoga, com habilitação em Supervisão Escolar/FAPA; especialista em Psicopedagogia Clínica e Institucional e Supervisão Escolar; mestre em educação/UNTREF e doutora em Psicologia Evolutiva e da Educação/Universidad de Santiago de Compostela/Espanha. É coordenadora pedagógica da Consultoria e Assessoria Pedagógica Lilian Zieger e Equipe e supervisora escolar do Colégio Mauá/POA. É presidente da ANSEB e docente em várias faculdades nos cursos de pós-graduação em educação.
Lisete Johnson
Lisete Johnson – Nasceu em Butiá, RS. Graduada em Letras pela PUC, pós-graduada em Supervisão Escolar pela FAPA, cursou Especialização em Espanhol pela Universidade Internacional Menéndez y Pelayo – Santander. Professora de Português e Espanhol aposentada. Publicou, em 2008, Comidinhas Poéticas, com ilustração de Taiguara Vargas – Agência Texto Certo e Festarola na Biblio, ilustrada por Carla Pilla – Editora Razão. Em 2009, publicou Lívia – A oitava na Dinastia do “L”, ilustrada por Maria da Graça Vilella – Agência Texto Certo e As Caveiras Transviadas, ilustrada por Carla Pilla – Editora Razão. Participou de oito Antologias Poéticas, Rio Grande Trovador - UBT. Ministra Oficinas de Trovas e Contação de Histórias em escolas estaduais, municipais e particulares. Em 2009, foi Patronesse da Feira do Livro da Escola Estadual Euclides da Cunha. É vice-presidente de Administração da UBT Porto Alegre.
Lolô Fonseca
Maria de Lourdes Torres de Almeida Fonseca é graduada em Administração de Empresas, com pós-graduação em Marketing Estratégico e de Varejo. É casada com Vanderlei Lopes da Fonseca e tem três filhos – Regina Lúcia, José Mário e Vitor.
Trabalha nos Correios, onde se dedica à Filatelia, exercitando diariamente sua capacidade de pesquisa e de criação em torno dos selos anualmente emitidos pela empresa. No campo literário, escreve crônicas, poemas e discursos, além de biografias e textos sociais. Ocupa a Cadeira 35 da Academia de Letras e Música do Brasil.
Nasceu em Belém do Pará e escolheu ser chamada de Lolô Fonseca nos meios literários, a fim de separar a escritora das outras posições que ocupa.
É reconhecida pelos amigos por sua habilidade com as letras, com as quais constrói textos marcados pela maturidade e lirismo. Lolô Fonseca tem na ALMUB – Academia de Letras e Música do Brasil - um grande incentivo às suas atividades literárias e a oportunidade de seu crescimento nesse campo. Tem sete irmãos, aos quais se dedica de forma carinhosa e comprometida, tendo seus pais, Mário e Nair, como exemplos de Amor.
Gosta de música, cinema, teatro, literatura e de outras formas de manifestação artística.
Considera fundamental aprender sempre e estar constantemente desafiada. O novo é o seu maior empreendimento. Vê em cada letra a oportunidade de construir uma nova palavra, um novo texto e novos significados.
Lolô Fonseca (1)
Maria de Lourdes Torres de Almeida Fonseca, conhecida nos meios literários por Lolô Fonseca, escreve crônicas, poemas e discursos, além de biografias e textos sociais. Ocupa a Cadeira 35 da Academia de Letras e Música do Brasil - ALMUB, a 20 da Academia de Letras do Brasil – ALB/DF, e pertence aos quadros do Sindicato dos Escritores do Distrito Federal. É reconhecida pelos amigos por sua habilidade com as letras, com as quais constrói textos marcados pela maturidade e lirismo. Autora de ¨Soprando no Coração”, de poemas e crônicas, lançado em 2010, agora abraçou o desafio de escrever contos, em Casos de Casas. É graduada em Administração de Empresas, com pós-graduação em Marketing Estratégico e de Varejo, e trabalha na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. Dedica-se à Literatura, com trabalhos publicados em várias Antologias, construindo o seu capital literário com muito zelo e responsabilidade, a fim de consolidar o perfil sensível, pacificador e lírico da escritora. Em 23 de outubro de 2015, Lolô Fonseca sofre um grande golpe com o falecimento de seu esposo, Vanderlei Lopes da Fonseca, com quem teve três filhos – Regina Lúcia, José Mário e Vitor. Seu marido foi um grande incentivador de sua carreira literária e, sem dúvida, representará a sua inspiração futura, em trabalhos que significarão suas sensíveis experiências de viver e amar. Afinal, um coração que ama e sofre, é um coração que fala de saudade.
Lourdes Borges
Maria de Lourdes Borges Werlang cursou faculdade na UNISINOS de São Leopoldo/RS. Exerceu o magistério por 25 anos e após aposentada iniciou a experiência bem sucedida de em-preendedora. Viajou por vários países da Eu-ropa e no ano de 2008 foi à Terra Santa, acompanhando um grupo de peregrinos de Cianorte/PR. Foi após essa viagem que aflorou-lhe o dom da poesia. Com incentivo das filhas e de alguns amigos começou a publicar seus poemas no site do Recanto das Letras, onde foi muito bem aceita. Participou de Oficina Literária de Contos em Osório/RS. Publicou poemas em cinco Anto-logias: Poesias Encantadas II, III e IV, esta na Bienal em São Paulo. Projeto Delicatta VII – Bienal em São Paulo. Antologia: Aos ventos dos mares e da lagoa em Osório. Certificado: Poetisa Encantada de Poesias Encantadas – Luciano Becalete.
Lucas Mattiuz Moreira e Raul Moreira Neto
Raul é médico em Porto Alegre, casado com Patrícia e pai do Lucas e da Giulia. É autor de outros livros, mas está se aventurando pela primeira vez na área infantil. Lucas tem 7 anos e é estudante do primeiro ano do ensino fundamental em Porto Alegre. Está aprendendo a ler. Ajudou a escrever a história da Mel com suas ideias, ensinando ao pai como fazer um livro ser atrativo para uma criança recémalfabetizada.
Lúcia Andrade
Lucia Andrade nasceu no dia 6 de agosto de 1957, em São Vicente do Sul, Rio Grande do Sul. É artista plástica, escritora e poetisa, absolutamente autodidata. Como poetisa, já ganhou alguns concursos. Entre eles: III Concurso Raimundo Corrêa de Poesia da Editora Schogun Arte do Rio de Janeiro-RJ, com a poesia: HOJE, recebendo Menção Honrosa. Ganhou também o 1º lugar com a poesia CÚMPLICES, no livro de Escritores Brasileiros de Hoje - 1986, pela Editora Crisális, também do Rio de Janeiro-RJ.
Lúcia Lms
Minha vida e trajetória são singelas.
Fui criada entre livros da biblioteca de meu pai, e mesmo pequena, antes de saber a ler, aprendi a conhecer o prazer que o mundo dos livros proporciona. Ficava encantada ao folhar as coloridas páginas dos livrinhos de pano que ganhava.
Depois eram meus “prêmios” por bom comportamento e, assim, fui criando o hábito da leitura que cultivo até hoje.
Expressar os sentimentos, conversar com minha alma naqueles rabiscos solitários...
O tempo foi passando, os caminhos da vida mudando e o tempo pareceu ficar mais escasso.
Quem sabe programado pelo plano astral e vontade Divina minha trajetória de vida impôs Novos Rumos e fez voltar vontade de escrever, liberar sentimentos da alma e pensamentos, se transformando numa saudável terapia que lhes trago agora.
Não, não sou poeta. Não me sinto assim e longe de mim tal pretensão.
Escrevo com a alma, revelando emoções e sentimentos.
São conteúdos que tentam confortar, aconchegar, levar esperanças aos corações aflitos. São pedaços de minha vida, fragmentos diversos vividos intensamente e com muita reflexão.
Isto sim, para mim, é fundamental!


Mas voemos, sobretudo, em busca da Luz Maior que é o Amor que está em nosso interior e nos guiará a caminhos felizes.
E também entender estes processos amorosos:

“Precisa-se compreender que amar e ser amado implica em um ato de entrega espontânea e amorosa, de cumplicidade, que abrange a compre-ensão, tolerância, o compartilhar, o perdão, além de muito carinho, respeito e admiração.”

E este amor deve se renovar a cada dia, hora, minuto, segundo, rumo a um infinito desejo de congraçamento entre as pessoas:

“Mas, em meio ao mundo dos sentimentos, o mais maravilhoso de tudo é sabermos que o ser humano tem uma capacidade infinita de amar. Basta saber doar-se, permitir-se, querer... E, acima de tudo procurar ser feliz ao fazer o outro feliz.”

Que assim seja. Boa leitura!

Luciano da Rocha Corrêa
Luciano da Rocha Corrêa tem formação em Ciências Biológicas com Doutorado em Botânica, tendo utilizado sua experiência em pesquisa – que já lhe rendeu, igualmente, várias publicações na área acadêmica, inclusive em periódicos estrangeiros – para dedicar-se a outra área que sempre foi sua paixão: a Internet. Usuário da rede desde meados dos anos 90, tempo das telas esverdeadas do DOS e do Unix, sua vida foi e é marcada pela Internet, da mesma forma que a de milhões de pessoas, em todos os aspectos, da qual resultaram desde relacionamentos sociais até a descoberta e uso de ferramentas profissionais. Este livro surge como mais um dos resultados concretos desse bem-sucedido casamento virtual do autor com a rede mundial de computadores. No momento, atua como escritor e como fiscal do seu Conselho Profissional, além de ter parte de seus rendimentos provenientes de suas ações na web.
Lucya Machado
Gaúcha, nascida no pampa rio-grandense, na cidade histórica de Caçapava do Sul, capital farroupilha agraciada por belezas naturais como a gigantesca Pedra do Segredo, a Cascata do Salso e as Guaritas, que com suas magníficas pedras monumentais granjeou o título de uma das sete maravilhas do Estado. Advogada, mãe de três filhos dos quais sente verdadeiro orgulho. Do pai herdou o gosto pela vida. Da mãe herdou a melancolia. Esta mistura genética deu a ela a temperança.
Luis Rubin
Luis Rubin é ortopedista por profissão e assador por paixão. Como todo gaúcho, (pensa que) sabe tudo sobre churrasco e adora carne assada. Mas mora em um apartamento. Então, esse assador de sacada conta, à luz do bom humor e da técnica gastronômica, o que significa para o gaúcho transferir o seu churrasco de fogo de chão das coxilhas do pampa para uma bem ajeitadinha churrasqueira na sala do apartamento. Técnicas de assamento, dicas, receitas e bom humor.
Luis Ubirajara Silva de Abreu
O autor, o Guarda Municipal Luis Ubirajara Silva de Abreu, nasceu em Porto Alegre e, antes de integrar a guarda pública porto- -alegrense, pertenceu à Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Sul. Em sua carreira profissional, foi diretor do Centro de Especialização e Formação Profissional Atalaia – CEFPA, em Esteio, RS, e foi Comandante Geral da Guarda Municipal entre 1999 e 2000. Durante sua atuação na força pública, idealizou e criou a Escola de Formação e Especialização da Guarda Municipal – ESFEGM, em 1995, iniciando um ciclo de qualificação e capacitação aos guardas municipais. Em 1996, criou e implantou o Grupamento Escolar Motorizado – GEM, para o patrulhamento preventivo em escolas. Também idealizou e implantou o Sistema de Alarmes Eletrônicos da GM – SAEGM, em 1998, ocasionando uma economia de R$2.000.000,00 para os cofres públicos naquele ano. Além disso, Luis Ubirajara idealizou a descentralização da GM, criando as áreas operacionais nas oito regiões do Orçamento Participativo. Tratou, ainda, da reestruturação da GM, criando diversas equipes e secretarias de trabalho, além de procedimentos operacionais e administrativos, dentre os quais se podem pontuar o sistema de comunicação de rádio transceptor, portátil e veicular; e o boletim de registro de ocorrências codificado. Atualmente, complementarmente à atividade no município, é acadêmico do curso de Gestão de Segurança Pública, na UNISUL, Universidade de Santa Catarina.
Luis Wëlter
O geminiano Luis Wëlter nasceu em São Borja/RS no dia 12 de junho de 1978. Esteve radicado em Porto Alegre/RS por mais de uma década, onde graduou-se em Comércio Exterior. Atualmente exerce atividades ligadas à área de formação em Uruguaiana/RS, onde reside e é colunista do conhecido site www.grupouruguaiana.com onde publica contos, crônicas e críticas literárias. Sempre pela Editora Alcance, publicou Paisagens Vazias (2004), poesia; Outono no Bom Fim (2005), novela, com prefácio de Moacyr Scliar; e Princesa Moura (2006), novela. Possui ainda participações em várias Coletâneas Literárias, organizadas pela Alcance. Luis Wëlter, há anos vem navegando com segurança nos revoltos mares da literatura, ótimo timoneiro que é. Iniciou-se, em 2004, na poesia, com Paisagens vazias. Depois publicou Outono no Bom Fim (2005) e Princesa Moura (2006), duas belas novelas. Agora nos apresenta O Silêncio e a Escuridão. Surpreende seus leitores com uma história ficcional da mais chocante realidade: o extermínio de milhões de judeus pelo preconceito ariano. Dramatiza o evento de profunda convulsão mundial na pele do menino Henio Zytomirski o qual vivenciou os horrores que macularam a história da humanidade. Não apenas judeus foram perseguidos e imolados, mas o racismo do Terceiro Reich igualmente sacrificou negros, ciganos, homossexuais, comunistas, doentes mentais. Enfim, o que não era sangue ariano era sangue a ser derramado. O início de tudo está, como represália, no assassinato, em Paris, do secretário da embaixada alemã, Ernst von Rath, o que resultou na terrível “Noite dos cristais quebrados”, deflagrando no uso dos campos de concentração, câmeras de gás e o extermínio abominável de vidas inocentes. A matéria prima para esta obra de arte literária de Luis Wëlter, o anti-semitismo nazista, cresce pela habilidade narrativa que nos coloca no horrendo cenário, visto e vivenciado por um menino de infância e vida sacrificadas. E como lamenta o próprio autor no destino do mesmo: “Mas antes mesmo que vocês venham me cobrar já adianto... eu não vou conseguir salvá-lo.” Mais não se precisa escrever do soco no estômago que é O Silêncio e a Escuridão.
 
 
 

 
Editora Alcance LTDA Fones         Facebook
Rua Bororó, 5 - Vila Assunção Claro: (51) 99103 - 3566 Flickr
Porto Alegre - RS OI: (51) 98537-0000 Formspring me
CEP: 91900-540 Tim: (51) 98233-7038 Nova rede social em breve
E-mail: rossyr@editoraalcance.com.br Vivo: (51) 99669-0908 Twitter
  (51) 98535-3970 whatsapp You Tube
     
Área Restrita    E-mail Suporte T.I Alcance